Aqui você vai encontrar cada curiosidades

Artigo Interessante

Polícia italiana encontra cocaína escondida dentro de grãos de café

A polícia italiana no aeroporto de Malpensa, percebeu um pequeno pacote da Colômbia para um homem chamado Santino D'Antonio.
A polícia italiana no aeroporto de Malpensa, percebeu um pequeno pacote da Colômbia para um homem chamado Santino D'Antonio. Se você não é um fã de filmes de ação, esse nome provavelmente não significa nada para você, mas se você é um fã de filmes de John Wick estrelados por Keanu Reeves, provavelmente o reconhece como o nome do chefe da máfia e principal antagonista no filme John Wick 2: um Novo Dia Para Matar. Felizmente, os policiais reconheceram o nome e decidiram inspecionar o pacote mais detalhadamente…
Dentro da embalagem havia uma sacola de 2 kg de grãos de café colombianos finos, uma das principais exportações do país sul-americano. Não havia nada suspeito no conteúdo à primeira vista, mas um olhar mais atento revelou que alguns grãos tinham manchas ligeiramente mais escuras. Depois de abrir pacote para uma inspeção mais detalhada, os oficiais da Fiamme Gialle di Malpensa perceberam que aqueles pontos mais escuros eram pedaços discretos de fita adesiva.

Depois de remover, os policiais do aeroporto descobriram que os grãos de café haviam sido meticulosamente e preenchidos com pó branco que acabou por ser cocaína pura. Dos cerca de 500 grãos da embalagem, 130 deles continham a cocaína.



Após a descoberta, os policiais prenderam Santino D'Antonio, que acabou sendo um criminoso na vida real e também no filme. O endereço da embalagem era o de uma loja de tabaco e café na província de Florença, cujo dono parecia não saber nada sobre café da Colômbia. Ao contrário do chefe da máfia elegantemente vestido, retratado em John Wick 2, o Santino D'Antonio da vida real era um homem de 50 anos de roupas casuais que chegou à loja de tabaco em sua bicicleta. Ele foi pego pela polícia no momento em que pediu seu pacote e levado em custódia. Odditycentral

Santino D'Antonio era morador de Medellín e tinha varias passagens de acusações de tráfico de drogas.
Share

Post A Comment:

0 comments: