Aqui você vai encontrar cada curiosidades

Artigo Interessante

30 Fotos que apenas as pessoas mais velhos acham nostálgico

Os anos 90 foram melhores ano que nosso pais viveram na aquela época. Um tempo de roupas horríveis, penteados ainda piores e muito SMS.
Os anos 90 foram melhores ano que nosso pais viveram na aquela época. Um tempo de roupas horríveis, penteados ainda piores e muito SMS. No entanto, muita coisa sugira no ano 90, como joias absolutas, filme Space Jam e Dragon Ball Z, Game Boy e Tamagotchi, Nevermind do Nirvana e All Eyez de 2Pac e a lista continua. E o artista Rachid Lotf apresenta todos esses clássicos atemporais na sua ilustrações.

Todas as suas obras são tão ricas em detalhes que é impossível rolar rapidamente por elas.

30.
29.
28.
27.
26.
25.
24.
23.
Oficialmente, Rachid é um designer gráfico sênior e artista conceitual. Como você provavelmente pode ver nesta série, sua arte tem sido uma manifestação de sua jornada pessoal, incentivando as pessoas a reviver sua infância, valorizar suas memórias e aproveitar a vida atual também.

“Nasci em 1984 em Agadir, Marrocos. Comecei a desenhar quando tinha 15 anos e no começo só desenhei personagens de anime”, disse Rachid ao site Bored Panda. Eventualmente, Rachid entrou no mundo da grafite e o cativou tanto que acabou estudando artes visuais. Os estudos o levaram a iniciar sua carreira em serigrafia e design de jogos para dispositivos móveis, e o resto é história.

22.
21.
20.
19.
18.
17.
16.
“Comecei a criar papéis de parede nostálgicos depois de completar 30 anos”, disse ele. “Foi quando me tornei nostálgico e comecei a sentir saudades dos bons velhos tempos. Quando penso na minha infância, as primeiras coisas que me vêm à mente são meu quarto e meus videogames; portanto, a estética dos jogos retro é a principal influência sobre meu trabalho.”

As ideias por trás de todas as suas obras de arte são algo que Rachid experimentou quando criança. “A série é essencialmente uma memória antiga, mas adaptada a um console de jogo diferente.”

15.
14.
13.
O artista acredita que nossas memórias são o que nos torna, nossas decisões. Rachid acredita que nosso passado determina não apenas como amamos, mas como agimos, em geral. “Nós não seríamos nada sem nossas memórias, então eu faço essas obras de arte para as pessoas que moravam na época, mas também para aquelas que não viviam, especialmente as crianças desta geração em que vivemos, para mostrar como seus pais e talvez seus avós tenham vivido a infância”, disse o artista.

12.
11.
10.
9.
8.
7.
6.
5.
4.
3.
2.
1.
Qual foi imagem que você mais gostou?
Share

Post A Comment:

0 comments: